segunda-feira, 22 de abril de 2013

Ginger & Rosa

Postado por Hellen às 16:38

"We had a dream that we would always be best friends."
Ginger & Rosa tá na lista de filmes que eu vou assistir nem sei mesmo por que, só sei que deu  vontade. A história das meninas inicia em 1945 quando as duas nascem na época em que estão ocorrendo as explosão das bombas atômicas de Hiroshima e Nagasaki. Elas crescem juntas, sendo amigas inseparáveis e o enredo começa mesmo em 1962 quando o mundo está próximo a iniciar a Guerra Fria. As meninas estavam então com 17 anos, se hoje essa idade já consegue ser um terror tamanha as milhões de incertezas da vida, imagina em 1962 em que o mundo podia entrar numa guerra nuclear na qual Ginger via o fim da espécia humana . Sendo filha de um pacifista, Ginger resolve também tomar parte da causa e se une com Rosa em reuniões de ativista contra a bomba temendo o fim de tudo. Só que Rosa não tem os mesmo interesses que Ginger, ela está em uma fase em que a sexualidade é seu maior interesse e saber se vão estar vivas amanhã por causa de uma guerra não é lá seu foco principal. Rosa tenta o tempo todo parecer mais velha, no seu jeito de agir, maquiar e se relacionar com homens só que ela só quer mesmo é viver sua vida agora e não carregar nenhuma responsabilidade, muito menos a  de ter que "salvar o mundo" de um possível guerra.
Ginger: "Who do you think you are? Don't you care about the future anymore?"
Rosa: "Who do you think you are? While everyone can serve the whole world some of us have to concentrate on just one person."
Rosa no fundo parece mais está querendo salvar a si mesma, se prendendo em um individualismo tão grande e agindo de acordo com a sua vontade sem se importar quem está sendo ferido, mesmo que essa pessoa seja a sua melhor amiga, a sentimental Ginger.
O filme ganha muito nas atuações, em especial a tão novinha Elle Fanning, mesmo trabalhando no cinema desde pequena a atuação dela é surpreendente para uma garota de 14 anos. A fotografia do filme é linda e a trilha sonora dos anos 60 tá S2.


"I've loved you, Rosa, but we are very different. You dream of everlasting love, not me. Despite the horror and the sorrow, I love our world. I want us all to live. What really matters is to live and if we live, there will be nothing to forgive."

Nota :
   

2 comentários:

Elaine Alves on 30 de julho de 2013 07:40 disse...

Adorei seu post e nunca tinha ouvido falar desde filme e gostei do q vc escreveu sobre e despertou interesse em assistir. Vou colocar na lista dos filmes p ver.
Continue c seus post :D

Bárbara Kruczyński on 20 de fevereiro de 2014 07:55 disse...

Esse filme é lindo, mas é uma tristeza só!


www.wannabenerd.net

 

Better than candies Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Emocutez